fbpx

Você conhece os tipos de plataformas que existem?

from: Eng Thalita Lima

287

Pedimos ajuda para nossa amiga e engenheira de petróleo Thalyta Lima para levantar os tipos de plataformas usadas.

1 Plataforma Fixa de tipo Jaqueta

Plataforma Fixa de tipo Jaqueta

•⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀ Estruturas treliçadas compostas por cimento tubulares de aço, instalação no local de operação com estacas cravados no fundo do mar;

•⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀ São estáveis nas piores condições no mar, são utilizadas em campos já conhecidos, onde vamos saber o quanto vai produzir de óleo em determinado tempo;

•⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀ Empregadas para profundidades entre 10 m e 200m, ou seja, águas rasas;

•⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀ Não tem capacidade de armazenamento. Os poços podem ser perfurados antes ou depois da instalação da jaqueta, ou seja, pode perfurar com a própria jaqueta, ou perfura com outros tipos e a jaqueta faz a produção.

2 Plataforma Fixa de tipo Concreto

Plataforma Fixa de tipo Concreto

•⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀ Mesma finalidade das plataformas de aço;

•⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀ São construídas em concreto armado em terra, logos após este evento são rebocadas para o mar;

•⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀ Sao ficadas no fundo do mãe pelo seu próprio peso;

3 Plataforma Fixa de tipo Torre Complacente

Plataforma Fixa de tipo Torre Complacente

•⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀ Torre estreita e flexível fixada a uma fundação com pilares capazes de suportar uma superestrutura convencional para operações de perfuração e produção;

•⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀ Geralmente, são utilizadas em lâminas d’água entre 300 e 600 metros e possui capacidade de suportar grandes forças laterais, graças à possibilidade de deflexões laterais; •⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀ Comporta-se como um pêndulo invertido. ⠀⠀

4 Plataforma Submersível

Plataforma Submersível

•⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀ Estrutura montada sobre um flutuador;

•⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀               Utilizadas em águas rasas (cerca de 30m) e calmas, com o fundo de apoio macio pouco acidentado;

•                                          Deslocadas por Rebocadores;

•                                          Ao chegar na locação são lastreadas até seu casco atingir o fundo do mar. ⠀⠀

5 Plataforma Auto-Elevatória ou Jack up: 

Plataforma Auto-Elevatória ou Jack up: 

•⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀ Plataformas móveis, de casco flutuante, rebocadas até seu local de operação. Lâmina d’água de 100 até 150m e tem baixo custo;

•                                           Plataforma de perfuração fixa não afetada pelas condições climáticas, permite posicionamento em áreas com restrições no fundo do mar;

•⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀              As sapatas que são suas pernas podem ser individuais ou estruturas únicas para todas as pernas, capaz de distribuir melhor as tensões em solo mais frágeis;

•                                          BOP e sistema de cabeça de povo na superfície da sonda. Completação seca pq apresenta baixa complexidade nos equipamentos;

•                                         MOVIMENTAÇÃO: Balsa é deslocada por um rebocador ou propulsão própria; FIXAÇÃO: As suas pernas são acionadas mecanicamente ou hidraulicamente até atingir o solo marinho e se elevarem acima do nível do mar ⠀⠀⠀⠀

6 Plataforma Pernas Tensionadas (TLP) ou Tension Leg Platform:

Plataforma Pernas Tensionadas (TLP) ou Tension Leg Platform:

•⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀ Plataforma flutuante é ancorada por tração de estruturas tubulares e cabos especiais fixados ao fundo do mar por estacas e mantidos esticados pelo excesso de flutuação da plataforma;

•                                           Não necessita de compensador de movimentos, pois permanece presa;

•                                           Possui sistema de produção e armazenamento;

•                                           Atuam em lâminas d’água de até 1.200m.

•                                           Alta estabilidade; ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀

7 Plataforma Semi-Submersível ou SS:

Plataforma Semi-Submersível ou SS:

•⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀ Possui estabilidade sem apoiar-se no fundo do mãe, fica parada pela atiçai dos motores contra as ondas;

•                                            Deslocamento para locação por navios rebocadores ou propulsão próprio ou dinâmico ( D.P);

•                                           Possui grande volume imerso para evitar as condições severas do mãe, sendo movimento crítico o vertical ( HEAVE);

•                                           Sistema de ancoragem —> LDA < 1.800m Sistema de DP —> LDA < 3.000m

•                                          Completação molhada, sistema de cabeça de poço ( BOP) no solo marinho, alto nível de complexidade nos equipamentos;

8 Plataforma SPAR:

Plataforma SPAR:

•                                            A Spar é uma plataforma com uma estrutura que contem um único corpo cilíndrico e oco, similar a uma grande bóia, podendo ainda ter uma estrutura de treliça complementar.

•⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀ Incorporam o conceito de boias cilíndricas operando verticalmente;

•                                           Utilizadas em lâminas d’Água de até 900m;

•                                           Exploração em águas profundas (1650 metros); Possui maior estabilidade; Uso de risers rígidos; Completação seca;

•                                           Armazena grandes volumes de óleo;

9 Plataforma Navio Sonda ou FPSO:

Plataforma Navio Sonda ou FPSO:

•⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀ Floating Production Storage Offloading: -Produzem (Production); -Armazenam (Storage); -Efetuam escoamento (Offloading)

•                                           Ancoragem similar a SS, usando linhas de ancoragem ou sistema de posicionamento dinâmico (DP);

•                                          Grande capacidade de lâmina d’água, possuem auto propulsão e grande capacidade de estocagem;

•                                          Completação molhada, operação depende da condição marítima, sistema de cabeça de poço (BOP) no solo marinho, ou seja, presença de alta complexidade dos equipamentos;

•⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀Uma unidade estacionária de produção que utiliza um navio ancorado, o qual suporta no seu convex uma planta de processo, facilidade de produção , módulos de alojamento e geração de energia;

10 Plataforma Monocoluna:

Plataforma Monocoluna:

•⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀ É uma plataforma destinada à produção, armazenamento e transferência do óleo bruto, sendo usada em águas ultraprofundas.

•                                          É uma FPSO, mas com casco redondo, que gera maior estabilidade;

•                                          Sua estabilidade é ainda maior, graças a uma abertura na parte central, que permite a entrada de água e reduz a movimentação provocada pelas ondas;

•                                          Flexibilidade operacional; Boa relação Peso de convés por Deslocamento.

Thalyta Lima nos enviou esse descritivo de muitos tipos de plataformas construídas. Se quiser saber mais, pode entrar em contato conosco ou seguir Thalyta Lima em suas redes sociais.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.